Blog

Balanço do setor de Engenharia Elétrica em 2020 é positivo apesar de crise gerada pela pandemia

balanço do setor de Engenharia Elétrica em 2020

Os últimos meses apresentaram inúmeros desafios para as empresas de todo o mundo. Mas apesar dos pesares, o balanço do setor de Engenharia Elétrica em 2020 pode ser considerado positivo.

Foi assim para a OMS Engenharia, que precisou se reinventar e inovar durante a pandemia da Covid-19.

Claro que o ano não correu como o planejado anteriormente, mas mostrou a todos que é possível se reinventar em momentos de crise, com muita criatividade e muito trabalho.

Alguns arranjos internos possibilitaram a manutenção da estrutura de trabalho e a otimização de tarefas. Teve até criação de um novo setor para se adequar ao momento e melhorar ainda mais o atendimento aos clientes.

As demandas dos clientes mudaram em 2020. Ao mesmo tempo em que houve uma retração no segmento da construção civil, com menos obras, as empresas perceberam que já era hora para dar mais atenção à manutenção de instalações elétricas e de cabeamentos estruturados. Ou seja, novas demandas surgiram.

E a maneira com que a OMS enfrentou os percalços deste ano deixam claro que 2021 será um período de crescimento e de muitas realizações. As projeções apontam lá para cima. E aconteça o que acontecer, estará preparada para quaisquer desafios que aparecerem.

 

 

Reorganização para enfrentar a pandemia: o balanço do setor de Engenharia Elétrica em 2020

 

A crise causada pela pandemia da Covid-19 assustou e muito. Muitas empresas decidiram cortar o quadro de funcionários para ajustar as contas e seguirem em frente. Algumas não conseguiram sobreviver.

Na OMS Engenharia, ninguém parou. E a escolha mais lógica sempre passou pela manutenção dos colaboradores. Não houve dispensas. O que houve foi uma reorganização interna, com ajustes, férias e transição para o trabalho remoto, o home office.

Mais do que isso, foi momento de contratações, especialmente para o departamento comercial, criado para responder à crise. Representantes e vendedores foram fundamentais para fechar novos negócios, com clientes que certamente ficarão ao lado da OMS por muito tempo.

“É lógico que não foi tudo aquilo que a gente imaginava que poderia ser, mas foi muito bom, muito bom, porque diante de todos os problemas que advieram da pandemia, só temos que agradecer esse ano de 2020″, resume Mauro Nascimento Costa, diretor comercial da OMS Engenharia.

 

As demandas do mercado mudaram em 2020 e foi preciso mudar com elas

 

É óbvio que a crise financeira afetaria de forma mais direta alguns setores. Foi assim com a construção civil, que represou obras por um bom tempo. Mas enquanto havia redução de obras, houve uma migração na demanda.

Com muitas empresas passando para o sistema de home office, houve a necessidade de mudança no layout dessas organizações. Isso exigiu maior cobertura na parte de cabeamento estruturado, por exemplo.

Além disso, outra demanda que cresceu significativamente no setor de Engenharia Elétrica em 2020 foi a de serviços de manutenção.

Isso porque em determinados momento houve a necessidade de parar a programação, mesmo que forçadamente. E nada melhor do que aproveitar esse período para realizar manutenções programadas.

Quem leva a sério a manutenção de instalações elétricas e de cabeamento estruturado viu a oportunidade ideal. E por isso contrataram a OMS Engenharia, para deixarem a empresa pronta para a retomada.

 

 

Aprendizado e investimento para crescer em 2021

 

O balanço do setor de Engenharia Elétrica em 2020 mostra com clareza que 2021 será um ano importante. Para quem conseguiu se segurar neste ano, o próximo será para colher os investimentos em inovação e equipe.

A expectativa da OMS Engenharia é crescer 20% em 2021, especialmente com o agora estruturado departamento comercial. Ele foi muito importante agora e será ainda mais daqui para frente.

“Essa é a nossa expectativa, é isso que a gente busca”, projeta Osmar Nascimento Costa, engenheiro eletricista e diretor técnico da OMS Engenharia.

Tudo o que a empresa fez para enfrentar a crise já foi pensando na frente. Era preciso resolver as questões do hoje, mas sem descolar do futuro. Por isso a confiança é alta para o próximo ano.

“Eu acho que 2021 tende a ser um ano muito bom. A gente via que as previsões que 2020 era pra ser também um ano muito bom, de recuperação econômica do nosso país. Infelizmente não foi, devido a todos os acontecimentos, mas a gente vê que 2021 vai ser um ano que vai retomar as expectativas que muitas pessoas tinham lá no começo de 2020”, projeta Henrique Dariva, engenheiro eletricista da OMS Engenharia.

→ E a sua empresa está preparada para enfrentar 2021?

Conte com a OMS Engenharia para projetos, obras e manutenções de infraestrutura elétrica.

 

Share MKT.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.