Blog

Energia fotovoltaica em Curitiba abastece o primeiro Carro Movido a Sol do Brasil

energia fotovoltaica em Curitiba

Foi para mostrar a realidade da energia fotovoltaica em Curitiba que a OMS Engenharia criou o projeto Carro Movido a Sol.

Um carro movido a sol? Isso possível?

Sim, é possível! Isso porque a energia fotovoltaica (solar) pode ser fabricada no telhado de casa e  usada como combustível para abastecer  veículos elétricos.

A ideia surgiu da proposta da OMS de ser uma empresa que está preocupada com o bem-estar da sociedade.

Além disso, evidenciar como as energias limpas podem ser usadas no dia a dia de cada um.

Mostrar também que o uso delas traz benefícios financeiros e sociais.

O projeto: energia fotovoltaica em Curitiba para abastecer carros elétricos

Para desenvolver o projeto Carro Movido a Sol, havia necessidade se ter um carro elétrico. Em julho, o automóvel foi comprado da empresa HiTech. Em agosto, os ajustes finais serão feitos e, breve, o carro será mostrado ao público na sede da OMS Engenharia. “A ideia é que o carro elétrico movido a sol seja identificado como tal e reconhecido facilmente por onde passar. Queremos que ele se torne um exemplo da utilização de energias limpas e renováveis como a fotovoltaica”, afirma Osmar Nascimento Costa, engenheiro e diretor da OMS.

O carro movido a sol irá circular pelas ruas da cidade, especialmente no trajeto entre as obras da OMS. E ainda, será exposto em locais de grande circulação de pessoas, como os parques de Curitiba. A ideia é despertar o interesse da população pelo funcionamento do carro elétrico solar.

Como o sol irá abastecer o veículo?

Parte da energia necessária para manter o carro movido a sol em funcionamento será gerada por painéis solares instalados no próprio veículo. Além disso, a bateria do carro será recarregada na sede da OMS, onde um sistema de energia fotovoltaica já é utilizado há tempo para suprir a demanda de eletricidade da empresa. Dessa forma, praticamente toda a energia utilizada pelo veículo será solar.

O projeto Carro Movido a Sol também prevê a realização de palestras educativas sobre o uso da energia fotovoltaica em Curitiba. “Parece faltar ainda uma consciência que leve as empresas e pessoas a quererem produzir e consumir esse tipo de energia. É possível que isso aconteça por não haver meios que divulguem com intensidade e profundidade a importância do uso dessas energias, bem como seus benefícios para a sociedade e a economia financeira gerada. O carro movido a sol veio para suprir, quem sabe, essa carência”, afirma Mauro Nascimento Costa – diretor da OMS.

Convidamos, então, todos os leitores do blog da OMS para ficarem atentos às próximas novidades do projeto Carro Movido a Sol. Acompanhe e faça parte desse projeto pioneiro!

Veja mais sobre eficiência energética nesse link aqui.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.